Comissão Vereadores averigua crime ambiental em ETE do SAAE

por ASCOM/CMCC publicado 28/03/2017 13h55, última modificação 29/03/2017 08h38

ete saae 2.JPG

DSC_0572.JPG

          Após denúncias veiculadas na imprensa local sobre uma possível contaminação de igarapé na ETE (Estação de Tratamento de Esgoto, do Saae) da avenida José Pereira Costa, próximo ao Pesque Pague Pantanal,  uma comissão composta  pelos vereadores  Junior Garra (presidente da Câmara),  Elio do Lider, João Nunes e  Wilson Leite, estiveram no local para averiguar a situação.

          A comissão constatou que os rejeitos estão sendo jogados diretamente no igarapé, sem passar pelo  tratamento correto ao qual deveria ser submetido, bem próximo de um ponto de captação de água, que é usada para regar praças e jardins.

           Em conversa com trabalhadores do Saae vereadores ouviram que foi uma bomba que queimou, mas que já esta sendo providenciado o reparo. Os vereadores questionaram o fato de não existir um equipamento de reserva, para evitar que danos ambientais como este venham acontecer.

          O Saae vem sendo alvo de criticas constantes, e em função disso o vereador presidente Junior Garra , informa que a Câmara de Vereadores  fará de tudo pra que esta situação seja resolvida.  De volta à sede do Poder legislativo o presidente determinou que a Secretaria da Casa encaminhe ofício convocando o diretor do Saae para que preste os esclarecimentos.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.